EMS

Cefalexina 1g, Comprimido revestido (8un)

Tipo: Genérico Preço: R$ 47,33 Tipo Receituário: Em breve

Composição

Cefalexina..............................................................................................................................1g

Indicações

  • Otite média aguda.
  • Faringites.
  • Tonsilites.
  • Infecções articulares e ósseas.
  • Infecções do trato respiratório.
  • Infecções da pele e anexos.
  • Infecções do trato urinário.
  • Prevenção da endocardite bacteriana.

Dosagem adultos

Dosagem adultos em geral

Via oral:
  • Dose inicial: 250-500 mg, a cada 6 horas.
  • Dose habitual: 1-4 g/dia, em doses divididas.
  • Dose habitual - infecções graves: 1 g, a cada 6 horas.
  • Orientação de conduta: se dosagem > 4 g/dia for necessária, considere terapia inicial com cefalosporina parenteral.

Otite média aguda

Via oral:
  • Dose habitual: 250 mg a cada 6 horas.
  • Orientação de conduta: dosagens maiores podem ser necessárias para infecções mais graves ou causadas por bactérias menos sensíveis.

Faringites e tonsilites

Via oral:
  • Dose habitual: 500 mg, a cada 12 horas.
  • Duração do tratamento: ≥ 10 dias.

Infecções articulares e ósseas

Via oral:
  • Dose habitual: 250 mg, a cada 6 horas.
  • Orientação de conduta: dosagens maiores podem ser necessárias para infecções mais graves ou causadas por bactérias menos sensíveis.

Infecções do trato respiratório

Via oral:
  • Dose habitual - infecções leves a moderadas: 250 mg, a cada 6 horas.
  • Orientação de conduta: dosagens maiores podem ser necessárias para infecções mais graves ou causadas por bactérias menos sensíveis.

Infecções da pele e anexos

Via oral:
  • Dose habitual - infecções leves a moderadas: 500 mg, a cada 12 horas.
  • Orientação de conduta: dosagens maiores podem ser necessárias para infecções mais graves ou causadas por bactérias menos sensíveis.

Infecções do trato urinário (ITUs)

Via oral:
  • Dose habitual: 500 mg, a cada 12 horas.
  • Duração do tratamento - infecções leves a moderadas: 7-14 dias.
  • Orientação de conduta: dosagens maiores podem ser necessárias para infecções mais graves ou causadas por bactérias menos sensíveis.

Prevenção da endocardite bacteriana

Pacientes submetidos a certos procedimentos odontológicos ou do trato respiratório superior

Via oral:
  • Dose única: 2 g, 30 minutos - 1 hora antes do procedimento.

Dosagem pediátrica

Uso pediátrico a partir 20 kg (suspensão oral)

Dosagem pediátrica usual

Via oral:
  • Dose habitual: 25-50 mg/kg/dia em doses divididas.
  • Orientação de conduta: em infecções graves pode-se duplicar dosagem habitual.
  • Crianças depois do período neonatal - infecções leves a moderadas: 25-50 mg/kg/dia, em 2 ou 4 doses igualmente divididas.
  • Crianças depois do período neonatal - infecções severas: 75-100 mg/kg/dia, em 3 ou 4 doses igualmente divididas.

Otite média aguda

Via oral:
  • Dose habitual: 75-100 mg/kg/dia, em 4 doses divididas.

Faringites e tonsilites

Via oral:
  • Dose habitual: 25-50 mg/kg/dia, em 3-4 doses igualmente divididas durante ≥ 10 dias.
  • Crianças > 15 anos de idade: 500 mg, a cada 12 horas durante ≥ 10 dias.
  • A dosagem diária pode ser dada em doses divididas a cada 12 horas em pacientes > 1 ano de idade.

Infecções ósseas e articulares

Via oral:
  • Dose habitual - infecções leves a moderadas: 25-50 mg/kg/dia, em 3-4 doses igualmente divididas.
  • Orientação de conduta: em infecções graves pode-se duplicar dosagem habitual.

Infecções do trato respiratório

Via oral:
  • Dose habitual - infecções leves a moderadas: 25-50 mg/kg/dia em 3-4 doses igualmente divididas.
  • Orientação de conduta: em infecções graves pode-se duplicar a dosagem habitual.

Infecções da pele e anexos

Via oral:
  • Dose habitual - infecções leves a moderadas: 25-50 mg/kg/dia em doses divididas a cada 12 horas.
  • Crianças > 15 anos de idade - infecções leves a moderadas: 500 mg, a cada 12 horas.
  • Orientação de conduta: em infecções graves pode-se duplicar dosagem a habitual.

Infecções do trato urinário (ITUs)

Via oral:
  • Dose habitual - infecções leves a moderadas: 25-50 mg/kg/dia, em 3-4 doses igualmente divididas.
  • Orientação de conduta: em infecções graves pode-se duplicar a dosagem habitual.

Cistite não complicada

Via oral:
  • Crianças > 15 anos de idade: 500 mg a cada 12 horas.
  • Duração do tratamento: 7-14 dias.

Prevenção da endocardite bacteriana

Pacientes submetidos a certos procedimentos odontológicos ou do trato respiratório superior

Via oral:
  • Dose única: 50 mg/kg (até 2 g), administrada 30 minutos - 1 hora antes do procedimento.

Dosagem idosos

  • A escolha da dosagem deve ser cautelosa devido à diminuição função renal relacionada à idade.
  • Dose inicial: dosagem adulta.
  • Dose habitual: 500 mg, a cada 8-12 horas (se CLcr = 11-40 ml/minuto) ou 250 mg, a cada 12 horas (se CLcr = 5-10 ml/minuto), ou ainda, 250 mg, a cada 12-24 horas (se CLcr <5 ml/minuto).

Reações adversas

  • Diarreia.
  • Dispepsia.
  • Dor abdominal.
  • Gastrite.
  • Náuseas.
  • Vômitos.

Contraindicações

  • Hipersensibilidade conhecida à cefalexina ou qualquer outra cefalosporina.

Gravidez

Categoria A

  • Drogas que têm sido tomadas por um grande número de mulheres grávidas e mulheres em idade fértil, sem qualquer aumento comprovado na frequência de malformações ou outros efeitos nocivos diretos ou indiretos sobre o feto tendo sido observados.

Lactação

[Verde]: Uso compatível com a amamentação

  • Desta categoria fazem parte os fármacos cujo uso é potencialmente seguro durante a lactação, haja vista não haver relatos de efeitos farmacológicos significativos para o lactente.